News
Carregando...

J.K. Rowling confessa sentir culpa pela morte de um personagem da saga Harry Potter!

A saga Harry Potter teve muitas mortes dolorosas, o que é inevitável, já que com o passar do tempo, os livros se tornam muito mais do que aventuras infantis sobre bruxinhos e se mostram um grande palco de mistérios, conspirações e batalhas entre o bem e o mal.

Entre todos os personagens que a autora J.K. Rowling “matou” durante a saga, numa confissão, ela revelou que teve um em especial pelo qual se sente culpada até hoje. A autora confessou isso no Pottermore.

Mas quem é esse personagem que faz com que Rowling sinta-se culpada por tanto tempo?

Trata-se de Florean Fortescue, o dono da Sorveteria Florean Fortescue, no Beco Diagonal. Harry costumava parar sempre nesta loja quando estava hospedado no Caldeirão Furado. O dono era um bruxo que, além de ajudar Potter com o dever de casa, ainda o oferecia sundaes de graça.



Harry e Florean se conhecem no terceiro livro (Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban), mas Florean desaparece no sexto (Harry Potter e o Enigma do Príncipe), levando a sorveteria a ser fechada.

Logo é dito, ainda no sexto livro, que Florean foi sequestrado pelos Comensais da Morte, que o assassinaram. “Eu o sequestrei e o assassinei sem nenhuma razão. Ele não foi o primeiro mago que Voldemort assassinou porque sabia muito (ou muito pouco), mas somente com ele me sinto culpada, porque foi tudo culpa minha”, disse a autora.

Rowling ainda explicou que tinha imaginado, inicialmente, Florean ajudando Potter no último livro (Harry Potter e as Relíquias da Morte), mas o seu papel se tornou “redundante” e outros personagens tornaram-se mais “úteis”.
Compartilhar no Google Plus

Sobre Matheus Fontenele :

Estudante, blogueiro, faz bicos como designer gráfico. Entretanto, é um clássico amante de filmes e séries. Veja mais | Facebook
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário